Trilhas Sonoras para dias frios - Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

Trilhas Sonoras para dias frios


 Oi.

Hoje venho até você leitor para relembrarmos algumas “Soundtrack’s” que na minha opinião, merecem ser escutadas em um dia frio. Prepare os seus fones de ouvido, Headset e cia, para um clima melancólico.

 

Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças

227560.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

 

Direção de Michel Gondry. Seria um grande erro eu não colocar nessa lista esse filme brilhante. O filme mostra Joel (Jim Carrey) e Clementine (Kate Winslet) como um casal que se amou intensamente por muito tempo antes de cada um decidir apagar o outro de sua memória.

 

A trilha de Jon Brion tem uma resposta muito simples e compreensível do que o filme representa. Considero uma das melhores trilhas sonoras já feitas. Você pode ler a crítica do meu querido colega Daniel Cury clicando aqui.

 

Hoje eu quero voltar sozinho

20140210165110878584o

Direção de Daniel Ribeiro. Nasceu como curta-metragem, foi premiado em muitos festivais e foi o estopim para se tornar um dos melhores longa-metragens com a temática homossexual. A trama acompanha Leonardo (Ghilherme Lobo), um garoto cego que passa seus dias ao lado da amiga Giovana (Tess Amorim). A vida dos dois muda quando Gabriel (Fabio Audi) entra para a turma da escola. Os três começam a conviver juntos, colocando a força da amizade à prova. Enquanto Leo tem o desejo de mudar a rotina e fazer intercâmbio, em busca de um lugar mais seguro da discriminação que sofre por ser cego, Giovana é a sua grande companheira, seus olhos para o mundo. A chegada de Gabriel vai questionar não apenas a relação entre Leo e Giovana, mas despertar no garoto um sentimento que vai muito além do que (não) pode enxergar, mas sente toda vez que o novato está por perto.

A trilha sonora vai desde “Belle & Sebastian” á “Cícero”. Porém o que mais marcou os fãs do curta-metragem (Eu não quero voltar sozinho), foi a música “Beijo Roubado em Segredo” no final enquanto passava os créditos. Música de Tatá Aeroplano e Juliano Polimeno.

 

Meu Vizinho Totoro

meu-vizinho-totoro-1280-960

Vamos voltar para o ano de 1988, onde no dia 16 de Abril ocorreu a estreia mundial de uma das primeiras animações de Hayao Miyazaki pelo estúdio Ghibli. Duas meninas se mudam com seu pai para o interior do Japão, com o objetivo de ficar perto da mãe (que está internada em um hospital). Lá, elas viverão muitas aventuras ao lado do espírito protetor da floresta Totoro.

Joe Hisaishi sempre surpreende com as suas composições.

 

 

Her

Screen-Shot-2013-12-08-at-2.45.00-PMDireção de Spike Jonze. O universo criado por Jonze traz Theodore (Joaquin Phoenix), um escritor que trabalha em uma empresa que escreve cartas por encomenda. Vivendo em um mundo onde as pessoas não se dão mais nem o trabalho de ler seus próprios e-mails, já que existem mecanismos que fazem isso por você, Theodore vive um momento de crise após a separação de sua esposa Catherine (Rooney Mara). Para driblar a solidão, ele decide adquirir um software que promete proporcionar momentos reais de interação. O sistema operacional, chamado Samantha (voz de Scarlett Johansson), passa a acompanhá-lo diariamente e logo eles se envolvem. Samantha parece ser aquilo que ele precisa, aceitando-o do seu jeito e preenchendo uma lacuna na vida do escritor que as pessoas “reais” não conseguem.

A trilha sonora de Will Butler e Owen Pallett muitas vezes potencializa demais os momentos dramáticos, mas isso não chega a comprometer o desempenho do longa. Indicado a cinco estatuetas do Oscar 2014 (filme, roteiro original, design de produção, trilha sonora e canção original para a incrível “The Moon Song”).

 

Medianeras

zzmedianeras999Direção de Gustavo Taretto. Martín e Mariana são seres solitários que moram em Buenos Aires. Cada um a sua maneira, eles encontram inúmeras dificuldades em se relacionar com o mundo, e por mais que sempre se cruzem nas ruas, nunca se viram. Na busca de alguém que os compreenda, eles afogam mágoas e alegrias na cultura pop.

Embalando o filme com a trilha True Love Will Find You in the End, de Daniel Jonhston. O verdadeiro amor vai te encontrar no final.

 

O Hobbit: A Desolação de Smaug

The-Hobbit-Smaug-4Direção de Peter Jackson. Neste capítulo do meio da trilogia, Bilbo (Martin Freeman), Gandalf (Ian McKellen) e a companhia liderada pelo candidato a rei Thorin Escudo de Carvalho (Richard Armitage) continuam sua jornada inesperada rumo a Erebor para enfrentarem o dragão Smaug (Benedict Cumberbatch) e recuperarem o reino e o tesouro dos anões. Logo, Gandalf parte para sua própria demanda paralela, buscando pistas sobre o retorno de um antigo mal na forma do Necromante (também Cumberbath), deixando seus pequenos amigos sozinhos.

Na minha humilde opinião, esse filme conteve muitos erros de narrativa.

A trilha do filme foi composta pelas composições de Howard Shore, menos a música “I See Fire” do interprete Ed Sheeran.

 

A viagem de Chihiro

A Viagem de Chihiro[08-45-51]Direção de Hayao Miyazaki. Chihiro é uma garota mimada, que se vê numa situação infeliz quando seus pais anunciam a mudança para uma cidade do interior, obrigando-à se despedir dos seus amigos e a escola que tanto gostava. Durante a viagem, eles se perdem, indo parar em outro mundo. Chihiro agora deverá amadurecer, se quiser salvar seus pais e voltar a ver seu mundo.

Trilha Sonora de Joe Hisaishi. Sempre emocionando em suas notas.

Se quiser saber mais sobre o filme “A viagem de Chihiro”, poderá ler a critica da minha colega Juliana Raya clicando aqui!

 

_______________________________________________________________________________________

Bônus

A um clique de você

Cartaz OficialDireção Anderson Alves. Eu tenho um aperto no coração quando tenho que falar sobre “A um clique de você”, pois a primeira coisa que me vem a cabeça é a trilha sonora, não digo isso por se tratar do meu primeiro curta-metragem (pois vejo muitos erros de principiante bastante latente rsrsrs).

Vamos sentir as grandes nivelações de sentimentos em que a personagem Eduarda Müller(Luana Lavinsky) demonstra em suas filmagens, sentir o peso que Cristina Müller(Silvana Rosa) sente para tentar trazer sua filha de volta a si. Tentando compreender quem realmente é o foco do personagem principal(câmera).

A trilha sonora me arrepia sempre. A trilha “Yiourgh”, composta por DoKashiteru.

                                                                Clique aqui para escutar a música.

Se você achou que faltou alguma trilha sonora que combinam com dias frios, por favor escrevam nos comentário para trocarmos figurinhas 😉 .

 tumblr_krrnsqwoMO1qz76zpo1_500_large[1]

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

Material close icon