CINE PE 2020 | 24ª edição do Festival é adiada para agosto
Cine PE 2020
Cinema Nacional

CINE PE 2020 | 24ª edição do Festival é adiada para agosto

24ª edição do Cine PE – Festival do Audio Visual acontecerá de 24 a 30 de agosto

Por conta da pandemia mundial do Covid-19, a direção do Cine PE – Festival do Audiovisual, atenta e comprometida com as orientações das autoridades sanitárias, decidiu por adiar o referido festival de cinema, inicialmente marcado para o período de 25 a 31 de maio.

Tendo em vista o fato de já contar com algumas etapas avançadas de produção, desde antes do início da pandemia, esperou-se pela tendência evolutiva da mesma, para que uma tomada de decisão sobre o adiamento pudesse estar melhor respaldada. Nesse sentido, a projeção que se pode fazer hoje, diante de uma prospecção do quadro, ouvidas preliminarmente algumas autoridades, foi de marcar o novo período de realização para a semana de 24 a 30 de agosto. Naturalmente, que essa data poderá ainda sofrer alterações, caso haja alguma orientação governamental relacionada com a retomada da realização de eventos, que mobilizem algum modo de aglomeração. 

Vale destacar, em adição, que o Cine PE 2020 levará em conta as tendências que poderão advir da experiência da pandemia, no que tange aos aspectos da mobilização de público e suas relações possíveis com novos hábitos e costumes. Será bem provável que esses esforços passarão, inicialmente, por critérios de readaptação ao estilo convencional do que seja um modelo de festival de cinema, talvez até ajustando novas tendências comportamentais. Ademais, o Cine PE também estará atento às inovações que permitam a aceitação de ações virtuais, com base nas experiências observadas durante a pandemia e em total respeito às preferências de quem ainda não se sinta seguro em participar na forma tradicional das relações sociais. 

O projeto irá inovar nos seguintes pontos:

  • Algumas exibições em sala convencional, com regras claras de limitação de público, distanciamento na disposição da acomodação nos assentos e segurança preventiva (uso de máscaras e orientações sobre higiene básica, enquanto se usar a sala);
  • Algumas exibições veiculadas por rede social, via Internet (sendo possível até mostras retrospectivas);
  • Algumas exibições abertas, no velho modelo “autocine” ou drive-in, também dentro das regras de segurança;
  • Programações dos seminários, das oficinas e do mercado (subprojeto TELA), num mix de modelo menos presencial e mais virtual. 

Confira nossa cobertura dos anos anteriores do Cine PE

Foto: Felipe Souto Maior

Deixe seu comentário