CRÍTICA: TODOS JÁ SABEM (2019) ANÁLISE DO FILME

CRÍTICA: TODOS JÁ SABEM (2019)

Grandes nomes do cinema mundial protagonizam em Todos já sabem uma história de suspense/investigação quando em uma festa de casamento um misterioso crime acontece fazendo com que laços familiares sejam testados.

O elenco aqui já chama a atenção: Penélope Cruz, Javier Bardem e Ricardo Darín são dirigidos por Asghar Farhadi, do bem sucedido O apartamento (2016). As atuações como não poderia ser diferente são intensas, marcantes e fundamentais para imersão do espectador no enredo.

Por falar em enredo, prepare-se. A condução dele é lenta, mas gradativa. Para muitos, pode soar sonolenta ou tediosa, embora possa-se afirmar que a maioria das cenas são importantes para o quebra-cabeça do mistério.

A verdade é que a história caberia perfeitamente num romance de muitas e muitas páginas. Porque o diretor propõe-se a nos contar lentamente detalhes dos membros daquela família. Para funcionar melhor na Telona, seriam necessários mais cortes na montagem e maior dinamismo.

Há certos diálogos expositivos demais. Explico: dois personagens sentam para falar sobre um assunto que ambos já conhecem e nós ouvintes também já temos a ciência de que eles sabem. Típica cena que poderia facilmente ser removida na edição.

Embora lento, o roteiro funciona. A sensação de mistério acompanha o olhar do espectador na busca por pistas que possam indicar responsáveis pelo crime.

Olhar este que percorre uma belíssima fotografia situada numa Espanha de cores fortes, que revelam a cultura local de um povoado tradicionalista e com muitos dilemas sobre posse de terra, dívidas, honra e forças familiares.

Falando em dilemas, são vários os componentes que tornam a história interessante. Na busca por desvendar o mistério, são revelados segredos que manter-se-iam ocultos não fosse o crime em questão. Neste ponto, há bastante aprofundamento na psiquê dos protagonistas e empatia do espectador por alguns deles, de acordo com a intenção do diretor.

Eu recomendaria o filme Todos já sabem àquelas pessoas que gostam de narrativas mais intimistas cujas intenções são revelar as várias camadas que compõem a personalidade.

Com argumento simples, condução lenta mas com inserções significativas e com resolução coerente dentro daquela narrativa, temos em Todos já sabem um filme razoável.

Para quem se interessa por Ficção Científica, temos aqui um artigo que serve de guia para esse universo. Conheça!

Será que os filmes ajudam na vendas de livros? Veja aqui nosso estudo sobre essa questão.

  • Nota geral
3

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

Material close icon