Dia do Orgulho Nerd tem Sci-fi e distopias na Mubi - Cinem(ação)

Dia do Orgulho Nerd tem Sci-fi e distopias na Mubi

Para celebrar o Dia do Orgulho Nerd, 25/5, a MUBI, distribuidora global e plataforma de streaming com curadoria, sugere alguns títulos de sua programação que podem agradar em cheio os fãs de ficção científica e distopias. Confira:

Brazil

Dirigido por Terry Gilliam (Monty Phyton), o filme de ficção científica (de 1985) apresenta um futuro distópico, controlado por computadores e burocratas, em que o amor é proibido. Vencedor de oito premiações, entre elas o BAFTA, também recebeu duas indicações ao Oscar – melhor direção de arte e melhor roteiro adaptado. No elenco: Jonathan Price, Robert De Niro e Bob Hoskins.

Plano 9 do Espaço Sideral

O clássico cult de 1959 de Ed Wood fala da invasão de alienígenas ao planeta Terra, com um plano maligno: reanimar os cadáveres. Produzido com poucos recursos, cenários precários e atuações questionáveis, é considerado um representante do cinema trash. No elenco, Bela Lugosi e Maila Nurmi.

Donnie Darko

Filme de estreia de Richard Kelly na direção (2001), é um híbrido de comédia teen e thriller de ficção científica, que reúne elementos como um amigo imaginário (um coelho assustador chamado Frank) e previsões sobre o fim do mundo. Com Jake Gyllenhaal, Drew Barrymore, Patrick Swayze e Seth Rogen.

Planeta Fantástico

Premiada em Cannes, a animação de René Laloux (1973) é um tesouro da ficção cientifica. Combina paisagens cósmicas, estranhas criaturas sobrenaturais e uma trilha sonora de jazz psicodélico para contar a história de seres humanos escravizados no planeta Ygam, habitado por nativos azuis gigantes.

Labirinto do Cinema

Produção de 2019, do japonês Nobuhiko Ôbayashi, acompanha a viagem no tempo de três jovens fãs de cinema que são transportados para dentro de um filme de guerra. Com três horas de duração, utiliza muitos efeitos visuais e experimentalismos para relembrar a capacidade do cinema de mudar o mundo.

Fonte da Vida

Estrelado por Rachel Weisz e Hugh Jackman, o filme de 2006 de Darren Aronofsky é um romance que retrata três histórias, atravessa séculos e se transforma em um épico metafísico. Um homem busca a cura para o câncer da esposa, um conquistador espanhol procura a fonte da juventude durante a Inquisição e um monge interestelar fica à deriva no espaço, com uma árvore misteriosa.

A Montanha Sagrada

Misticismo e contracultura permeiam o filme escrito e dirigido por Alejandro Jodorowski. Financiada por John Lennon e Yoko Ono, a produção é uma sátira surrealista que acompanha um alquimista enquanto realiza rituais e, junto a sete seres poderosos – que representam os planetas do sistema solar -, parte em uma jornada para a Montanha Sagrada.

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

Material close icon