Crítica: De Volta para Casa (2017) - Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

Crítica: De Volta para Casa (2017)

Ficha Técnica: De Volta para Casa (Home Again, 2017)

Direção: Hallie Meyers-Shyer

Roteiro: Hallie Meyers-Shyer

Produção: Nancy Meyers e Erika Olde

Elenco: Reese Witherspoon, Nat Wolff, Jon Rudnitsky, Pico Alexander, Michael Sheen, Candice Bergen

Sinopse: Alice (Reese Witherspoon) é uma mulher de 40 anos que se separa do marido (Michael Sheen) e muda-se para Los Angeles com as duas filhas para recomeçar a vida. No dia de seu aniversário, ela conhece três jovens cineastas que precisam de moradia enquanto estão produzindo um filme.

“De Volta para Casa” (Home Again) entra na categoria de comédia/drama, e cumpre o papel de um filme leve, delicado e sem grandes promessas. Reese Witherspoon faz o papel de Alice, uma mulher separada do marido que volta para a sua terra natal (Los Angeles) com suas filhas para recomeçar uma vida tranquila. Seu pai era um grande cineasta, e por esse motivo sua casa é repleta dos trabalhos dele.

Embora Alice esteja triste e sobrecarregada, ela tenta esconder esses sentimentos de suas duas filhas, que também estão passando por uma fase de adaptação na cidade nova. No dia de seu aniversário de 40 anos, Alice deixa as crianças com sua mãe (Candice Bergen) e sai para comemorar com suas amigas. Inesperadamente, ela conhece três jovens cineastas que estão batalhando para produzir um filme, e acaba por se relacionar com um deles (Pico Alexander). No dia seguinte, sua mãe encontra os três rapazes na casa de Alice e sugere que eles fiquem lá por um tempo, pois estão sem moradia. A partir de então, eles passam a criar um laço com a família de Alice, inclusive com suas filhas.

Como eu já citei, esse filme deve ser assistido sem grandes expectativas. Talvez em uma tarde de domingo, quando bate aquele tédio. De início achei o enredo bem interessante; entretanto, o filme não foge dos clichês típicos de comédias e dramas simples. Além disso, o longa se estende um pouco mais do que deveria, mas não chega a ficar arrastado e entediante. Vale destacar que o romance, embora exista, fica em segundo plano. O filme trabalha mais sobre as decisões de Alice e a luta dos jovens para conseguir atingir seus objetivos. Também há um ênfase nas superações pessoais de uma das filhas de Alice.

A escolha dos atores e atrizes foi boa. Embora Reese Witherspoon seja o grande nome do filme, os outros também merecem reconhecimento. Não há nada fora do normal ou espetacular, mas a relação entre todos os personagens flui com naturalidade.

Posso dizer que “De Volta para Casa” é um filme mediano. Considerando que este é o filme de estreia de Hallie Meyers-Shyer como diretora, ele pode divertir e distrair quem procura algo que não exija grandes esforços para se envolver com a trama.

  • Nota Geral
2.5

Summary

“De Volta para Casa” (Home Again) é um filme agradável e simples, envolvendo a vida de uma mulher de 40 anos que hospeda três jovens cineastas em sua casa.

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

Material close icon