Crítica: Os Infratores - Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

Crítica: Os Infratores

Lawless-08

Os filmes de faroeste de antigamente sempre tiveram um certo ar dramático que chamava a atenção. Pode-se dizer que era uma tensão, algo que colocava todos os personagens à prova a qualquer momento, ou seja, qualquer que fosse a situação vivida pelos personagens, sempre tinha um momento no filme em WETTEST COUNTYScene 133Howard comes in with the news about Cricketque entendíamos que ali era o momento “vai dar merda”, e já ficávamos angustiados esperando pela resolução sangrenta que o tiroteio inevitável nos levaria.

Lawless-06Em Outubro de 2012 foi lançado o filme “Os Infratores”, de John Hillcoat, diretor conhecido por “Projeto X – Uma Festa Fora de Controle”, “A Estrada” e “A Proposta”, filmes que o credenciam a um diretor de tensão e situações bastante complicadas. Hillcoat chamou Nick Cave, roteirista para ajudá-lo a adaptar uma história muito interessante que Matt Bondurant escreveu em seu livro. A história cabia perfeitamente, tanto para diretor quanto para roteirista, visto que tudo se passava neste cenário de faroeste.

O filme se passa na década de 30, quando os EUA implantaram a chamada Lei Seca, que se caracterizou justamente neste período de 1920 a 1933, durante o qual a venda, fabricação e transporte de bebidas alcoólicas para consumo foram banidas nacionalmente. Forrest, Howard e Jack, conhecidos como os irmãos Bondurant, os “invencíveis”, ganham a vida vendendo bebidas alcóolicas ilegalmente. Porém um dia WETTEST COUNTY Scene  16chega à cidade um policial chamado Charlie Rakes, enviado de Chicago e conhecido por ser implacável em suas causas, está disposto a usar todos os meios possíveis para capturar os irmãos e fazer a lei ser cumprida.

No elenco do filme temos Shia LaBeouf, Tom Hardy, Guy Pearce, Jason Clarke, Jessica Chastain, Gary Oldman, Mia Wasikowska, Dane DeHaan, Bill Camp, Chris McGarry, Noah Taylo.

“Os Infratores” foi o primeiro filme que saiu após Tom Hardy se destacar no papel de Bane, em Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge, por este motivo até ganhou um certo glamour e chamou a atenção da mídia.

Lawless-01A história é bastante consistente, e quando digo isso, quero dizer que é uma história densa, que consegue prender sua atenção do começo ao final. Assim como disse no começo deste texto, os antigos filmes de faroeste se caracterizavam por ter essa tensão no ar, e o ar dramático percorria o filme inteirLawless-05o, e “Os Infratores”  conseguem reatar com estas características. O filme mostra como a “reputação” era um fator importante na década de 30, e como a fama fazia um homem. Vemos os irmão Bondurant vivendo em cima de uma lenda e mais, vivendo a própria lenda, ou seja, temos personagens na história que realmente acreditam ser invencíveis e por isso, são destemidos.

Apesar de a história focar bastante em Jack (Shia LaBeouf), o irmão mais novo, e que está louco para provar seu valor, pode-se dizer que o filme foi construído para Forrest (Tom Hardy), que é o irmão mais velho e mais corajoso dos três. Estrutura-se então uma família de irmãos totalmente fiéis uns aos outros, e que acima de tudo lutam por sua própria causa.

Outro ponto interessante do filme é o personagem Charlie Rakes (Guy Pearce), que é o “vilão” da história, por ser o policial que quer cumprir a lei a qualquer custo. Podemos dizer que o filme estabelece um dilema aqui, torcemos pelos vilões? Mas até onde um policial pode ir para ser justo? Dilema que o filme não se propõe a responder, mas que te incita torcer pelos “bandidos”.

Lawless-03Em termos de fotografia, o filme é bem dirigido, mas não é um primor. Poderiam ter caprichado um pouco mais na fotografia para tentar extrair um pouco mais do ambiente de “faroeste”. Temos uma Direção de Arte bem construída, mas para mim esse é o pecado do filme, quanto a parte de Arte quanto a parte de Fotografia, ou seja, achei que faltou um pouco de acabamento em termos visuais mesmo, pois  o filme mostra a cidadezinha do interior e consegue construir o ambiente de tensão, mas em termos visuais, o filme é muito básico.

Lawless-02Um dos pontos que me chamou a atenção foi a parceria entre Shia LaBeouf e Tom Hardy, achei que os dois atores tiveram uma ótima conexão. Além de serem parecidos fisicamente, o que trouxe uma realidade a mais para a história, temos uma característica muito forte do irmão mais novo se inspirar e admirar o irmão mais velho. Neste sentido, e mesmo na construção dos personagens ao decorrer do filme, Shia e Tom conseguiram ter uma performance muito boa, e sem dúvida são os destaques do filme.

Confira o Trailer de “Os Infratores”:

Nota: 4 Claquetes
4-claquetes1


Veja também:
– Críticas com 4 Claquetes
– Trailers de filmes

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

Material close icon