Crítica: O Nevoeiro – 1ª Temporada (Netflix – 2017) – Sem Spoilers

Crítica: O Nevoeiro – 1ª Temporada (Netflix – 2017) – Sem Spoilers

O Nevoeiro: Série Baseada na obra de Stephen King decepciona

Ficha Técnica:

Criador: Christian Torper

Diretores: Guy Ferland, Nick Murphy, Adam Bernstein, David Boyd, James Hawes, Matthew Penn, Richard Laxton

Roteiristas: Christian Torpe, Amanda Segel Marks, Guy Ferland, Andrew Wilder

Elenco: Morgan Spector, Alyssa Sutherland, Danica Curcic, Darren Pettie, Frances Conroy, Gus Birney, Luke Cosgrove, Isiah Whitlock Jr., Dan Butler, Neal Huff, Irene Bedard, Dylan Authors, Philip Ettinger, Romaine Waite, Marylouise Burke, Dwain Murphy, Lola Flanery, Laurie Murdoch, Erik Knudsen

Stephen King é um dos autores mais adaptados para o Cinema e TV. Seus contos e livros já renderam filmes e séries com sucesso de público e crítica, mas também obras de qualidade questionável. E no mês agosto chegou na Netflix, mais uma adaptação da obra do autor. Trata-se de uma nova adaptação de  O Nevoeiro, conto de mesmo nome que se encontra no livro Tripulação de Esqueleto.

O conto, que já havia sido adaptado por Frank Darabont em 2007 para o cinema, ganhou uma nova versão, agora no formato de série. Na série, como no filme, uma névoa toma conta de uma pequena cidade. Com a névoa do lado de fora, os moradores se escondem em locais fechados para se proteger dos perigos que o nevoeiro trás. Trancados  dentro de lugares fechados, a convivência entre eles fica cada vez mais abalada. Surgindo assim conflitos básicos para sobrevivência humana.

Diferente do filme que focalizava em apenas um núcleo, a série é dividida em três. O primeiro é formado por Kevin, um pai de família querendo reencontrar sua esposa e filha, Adrian, o melhor amigo da filha de Kevin, Brian, um soldado com amnésia e Mia, uma viciada presa por invasão . Juntos eles atravessam o nevoeiro rumo ao shopping da cidade, para encontrar a esposa e a filha de Kevin. Um segundo grupo se encontra na igreja local. Onde temos Nathalie, que vê no nevoeiro um ação do Deus da Natureza, Connor, o xerife local, Padre Romanov, que vê nevoeiro como o Apocalipse e alguns fiéis da igreja, uns mais e outros menos fervorosos. E um terceiro se encontra no Shopping local. Onde encontramos Eve e Alex, esposa e filha de Kevin respectivamente, e vários outros moradores da cidade. Entre eles Jay, astro do time, filho do xerife e paixão de Alex. No decorrer dos episódios vemos a convivência e os conflitos desses grupos, na luta para conseguir sobreviver ao Nevoeiro.

Com um roteiro raso, que nem sequer tentar aprofundar nos dramas motivações dos personagens, O Nevoeiro entra na lista das piores adaptações de Stephen King. Os personagens são rasos e não têm carisma, o que faz com que não sintamos empatia por eles. E as atuações não ajudam muito, são fracas e caricatas. Em nenhum momento você consegue sentir compaixão, ou torcer pelos personagens, nem pela criança presente em tela. A impressão que dá é que ninguém ali estava afim de fazer a série, e só estão ali pelo cachê.

Além de personagens superficiais e nem um pouco carismáticos, os roteiristas da série criaram conflitos fracos que não convencem. Temas que poderiam ter uma abordagem mais profunda, em especial a que envolve Alex e Jay, se esvai e nunca é aprofundado. A impressão que dá é que simplesmente colocaram o tema, para dizer: “Veja nós estamos abordando esse assunto sério!”, mas simplesmente não convence. E o que mais irrita, é que por se tratar de uma série, poderiam ter abordado melhor os conflitos. E a possibilidade de ampliar a visão de como o nevoeiro afeta aquelas pessoas, é simplesmente desperdiçada.

A parte técnica da série também deixa muito a desejar. O CGI é mal feito e em nenhum momento convence. Nas cenas dentro do nevoeiro se nota claramente o uso do cromaqui. E o nevoeiro que deveria ser assustador, nunca parece uma ameaça real. A maquiagem também, em certos momentos beira o ridículo de tão falsa. Ao invés de usar maquiagem prática, na maioria das vezes é usado CGI, mas de forma tão malfeita que não convence. Fica claro que o que estamos vendo não é real.

Mas o que realmente mata a série, é a sua conclusão. Ela soa falsa e forçada. Os roteiristas apelaram para sentimentalismo barato, e reviravoltas absurdas. Além de acontecimentos que não fazem nenhum sentido, pelo que assistimos até aquele momento. Os personagens tem atitudes tolas, inúteis e que não convencem. O ataque final do nevoeiro, não tem o impacto visual necessário para chocar e causar medo no espectador. A cena final, que deveria ser impactante, para lançar base para uma segunda temporada, é forçada e totalmente anticlimática.

O Nevoeiro poderia muito bem ter sido uma série excelente, que poderia ter ampliado o que lemos no conto ou assistimos no filme de 2007. Tem um material rico, que poderia ter dado uma série de horror de arrepiar. Mas o que vemos é uma série genérica, com atuações caricatas, personagens sem carisma e rasos, trama rasa, efeitos especiais e maquiagem que não convence, e uma história mirabolante que ao fim não faz sentido algum.

Se decidir assistir a uma adaptação de O Nevoeiro, vai por mim assista ao filme de Frank Darabont de 2007. Foi feito há 10 anos atrás mas ainda continua atual e te prende do inicio ao fim. Bem diferente dessa série, que é um desperdício de um bom material.

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

  • Angela

    Fale por si mesmo. Eu gostei da série Nevoeiro. E espero que tenha outras temporadas.

  • Lucas Albuquerque

    Angela, quais elementos você curtiu na série?

  • Davi S. Vilela

    Olá Angela,

    Primeiramente obrigado por ler o texto e comentar.

    Como deve ter visto pelo texto eu realmente não curti mesmo a Série. Achei como disse fraca, e muito rasa. Um grande potencial disperdiçado. Algumas coisas que não fazem sentido nenhum, e principalmente um elenco fraco e personagens sem carisma. Acho que poderiam ter explorado mais a como o nevoeiro mudou as pessoas, e como afetam cada um dos personagens de forma mais profunda. Por se tratar de uma série e serem 10 personagens poderiam ter aprofundado mais nos personagens nos seus dramas. Só um exemplo sem Spoiler porque o Lucas não assistiu: o desfecho da Nathalie é um desfecho que não fez nenhum sentido na série. Outra coisa a Alex , Jay e o nevoeiro no final não fez sentido se levarmos em conta o que vimos até aquele momento.

    Enfim pra mim poderia ser uma grande série que foi desperdiçada. Talvez tenha essa sensação porque assisti ao filme do Frank Darabont e acho um máximo, uma das melhores adaptações do Stephen King. Mas como o Lucas perguntou também pergunto: O que você curtiu na série? Quais os elementos? O que mais te chamou a atenção?

    Um abraço e continue conosco comentando, lendo os textos e ouvindo os Cast

  • Eliezer Pereira

    Eu até gostei da série, mas não assisti ao filme para comparar. Não posso dizer que é ótima, porque também não curti alguns desfechos, com o da Nathalie, que cria muita expectativa nos capítulos intermediários e simplesmente não vinga. A história toda do estupro também é decepcionante, pois se mostra tão importante durante toda a série, pra acabar daquele jeito. Mas tem pontos positivos. Gostei de alguns personagens (Kevin, Mya, Connor, Nathalie), e achei razoável o roteiro, apesar da enrolação dos episódios centrais.

  • otisdf

    Péssimo! Nunca vi tantos atores ruins e sem carisma reunidos numa só série. A atriz que faz a filha chega a ser risível de tão ruim, com aquela cara de songa monga, rs. O nevoeiro mal a aparece e a cidade toda já age como se já soubesse que o nevoeiro representa uma ameaça (devem ter visto o filme, rs). É tudo mal construído e apressado, exatamente o oposto do que deveria ser, já que é uma série e tinham tempo pra desenvolver melhor os personagens e as situações. Os personagens tomam atitudes tão estúpidas que você acaba torcendo pra que morra mesmo. Adoro o conto e o filme, mas a série é uma decepção total.

  • Davi Vilela

    Olá, obrigado pelo comentário!
    Realmente concordo com você em gênero, grau e número.

    Spoiler Alert

    Uma coisa que não faz sentido é: A Natalie sai no Nevoeiro com o padre e não morre aí no shopping ela morreu, e a morte é sem sentido, pq não aprofundam nos personagens. A Alex Songa Monga rsrsrs, do nada resolve ficar com o possível abusador dela, não entra na cabeça. Nela ainda ela sai no Nevoeiro e não a atacam qndo sai de novo ataca é só para ser salva pelo Jay que ficou um tempão no Nevoeiro não foi atacado e do nada é atacado. Outra coisa oq é aquela revelação pra Alex? A do pai?

    São erros que não tem como ficar impassível.

  • Davi Vilela

    Opa Eliezer blz? Valeu por comentar.

    Então cara, esses pontos que você falou realmente é oq mais me decepcionaram o estupro tá lá só por estar, além do que a forma como eles se reaproximam me soou forçado. Mas a Nathalie foi a que mais me decepcionou, principalmente o desfecho dela que não faz mto sentido.

    Continue lendo e comentando!

    Abraço

  • Tayana Marinho

    eu pensei exatamente isso! fiquei de cara com o desenrolar da série e a péssima atuação da maioria.

  • Diego Abreu

    Gostei mais da série do que filme, achei a série mais fiel ao conto original, apesar de alguns erros vale a pena assistir.

  • Davi Vilela

    Obrigado por ler e cometar Diego! Interessante isso. Tenho visto mais gente que gostou mais do filme que da série. Eu pessoalmente não li o conto ainda, estou devendo tenho de ler. Mas interessante isso, ser mais fiel ao conto. Não sabia disso. Talvez depois de ler quem sabe algumas coisas se expliquem pra mim. Obrigado pelo Comentário!! Continue lendo e comentando!

  • Davi Vilela

    Olá Tayana,

    Realmente as atuações são péssimas da maioria dos atores. Mas Alex ganha de todos. Talvez a única que salve é a Nathalie, mas mesmo assim se perde no decorrer da trama. Obrigado pelo comentário, e continue conosco lendo e comentando.

  • Bruno Patrick

    Putz caralhoo. Assista o filme e veja como é tentar sobreviver sem aquele mimi tosco da série. Ah a serie foi tão boa que não haverá a segunda temporada graça a deus.

  • Ánitha Hyun

    eu gostei dos dois…kkkk

  • Morrissey Morrissey

    A única coisa que eu queria saber, é se o Jay morreu mesmo. Achei uma porcaria a série só por esse fato.

  • Eder william

    Hum…. gostei da trama, no filme era um terror físico pois se sabia que na nevoa existia “monstros”, já na serie o que existe no nevoeiro e algo pscologico, mais para o sobrenatural. Tem uma atmosfera cheia de possibilidades, sobre a atuação e profundidade de personagens… algumas deixam a desejar sim mas ultimamente isso acontece em quase todas as series, e por motivo dessas criticas acidas que sentem prazer em falar mau de tudo que não agrada a 1 que perdemos muita coisa que pode melhorar… só uma dica se vc leu “A torre negra” “o pistoleiro”, vc vai achar o filme uma merda… mas o filme e uma adaptação não uma copia e mesmo eu tendo lendo o livro gostei do filme, mesma coisa de todos os livros que ja li e foram adaptados…. Acho o seguinte assista a serie e tire suas próprias conclusões.

  • Davi Vilela

    Opa Diego blz cara?

    Ainda não li o conto. Na verdade já comecei algumas vezes. Mas não concluí. Vou ler. Talvez mude de opinião. Nunca se sabe!

  • Davi Vilela

    Opa Eder blz cara?

    Não sou leitor do Stephen King. Mas acho que livro é livro, filme é filme e série é série. Existe a comparação sim, mas temos de entender que são adaptações. Mas não li o conto, assisti o filme e amo o filme, e fiz comparações com o filme. Achei a questão psicológica sensacional, mas é desperdiçada. Se tivessem aproveitado melhor isso seria uma série excepcional. E concordo com você. Temos de assistir e tirar nossas próprias conclusões. Mas se me perguntarem se indico, como falei na crítica eu indico o filme.

  • Alexandre

    Acho que sua crítica também é rasa em alguns pontos. Dá a entender que é só um “não gostei” e pronto. Muitas coisas não estão explicadas em pormenores, mas há uma dica sobre as aparentes inconsistências.

    -É dito que o nevoeiro fica mais ou menos intenso em alguns momentos.

    -É possível resistir ao nevoeiro, em certa medida, como Kenvin e Mia mostram.

    -A adrenalina pode ser um fator, como o médico doido analisa. Pode ser uma explicação para o padre ter sido levado e a Nathalie não, assim como no caso de Alex e a menina no shopping.

    No final, Nathalie quer mais é ser levada. Ela acha que sua tarefa está cumprida.

    Acho que existem algumas perguntas interessantes, sendo algumas poucas: os que morreram no final, em geral foram destroçados. Jay foi “envolvido”. Será que ele de fato morreu? Os soldados que Jay encontra no banheiro estavam pendurados. Mas será que eles se mataram mesmo, ou foram mortos?

    Num dos pontos mais subjetivos, acho que as atuações, no geral, foram boas.

  • Davi Vilela

    E ae Alexandre blz?

    Agradeço seu comentário.

    Então cara, fazer crítica de uma série inteira de uma vez não é fácil. Principalmente pra não dar Spoilers. Por isso optei em dar uma visão geral do que eu vi e porque a série não me agradou.

    Caso fosse um Review ou uma crítica episódio por episódio daria pra falar mais detalhes aprofundar. Mas se eu fosse aprofundar mto talvez o texto ficaria longo demais e poderia revelar mais do que devia.

    Mas agradeço seu comentário, e é bem interessante os pontos que levantou vale a pena refletir neles.

  • Ellen Fernandes

    “Que o nevoeiro trás” (?). Poxa, a opinião é muito boa, mas com erros ortográficos como esse a qualidade da crítica fica comprometida, Davi (apenas um toque construtivo). Também me decepcionei com a adaptação =/.

  • Wellington Guerreiro Martins

    O filme de “The Mist” de 2007 foi muito bom, mas a série é medíocre, todas as pessoas do trabalho, que assistiram, me falaram que era muito fraquinha e superficial, pena que não dei ouvidos a eles…

  • Igor Barazzetti

    Eu gostei bastante da série, estou torcendo para que haja uma segunda temporada e olha que sou chato pra caramba pra curtir seriados.

    Eu não achei os efeitos especiais ruins, por ser uma primeira temporada. Também não achei os personagens pouco carismáticos.

    Não li o conto, mas assisti o filme antigo e achei a série muito mais interessante.

    Não lembro com detalhes porque assisti faz tempo, mas lembro que no filme as pessoas são mortas por tentáculos, rola uns seres sobrenaturais que tornam ainda mais fantasioso e inexplicável o nevoeiro.

    No filme é um terror físico enquanto na série puxaram mais para um lado psicológico o que achei muito interessante e muito mais profundo que o filme. A névoa parece ter vida própria e motivações para escolher suas vítimas.

    Achei muito curioso a forma como isso é abordado nessa série, deixa no ar várias possíveis explicações que se encaixam em lógicas plausíveis.

    Me senti envolvido no mistério e tentando descobrir do início ao fim os motivos do nevoeiro.

    Por vezes, parece que realmente é uma vingança da natureza, como Nathalie previa.

    Em outros momentos leva a pensar que tem algum tipo de experimento militar envolvido (no final isso é reforçado).

    E em outros momentos, passa a impressão de que o que acontece no nevoeiro é alucinatório.

    Algumas pessoas morrem rapidamente enquanto outras são poupadas (porque será?).

    Jay morreu mesmo? Ele foi o único que não teve o corpo dilacerado. Será que ele não vai retomar a consciência sem memória como Jonah?

    Eu acho que é muito precipitado exigir tantas explicações claras sobre o principal mistério da série na primeira temporada. É isso que mantém a gente curioso e com vontade de ver uma próxima.

    Achei a crítica um pouco rasa e de cunho muito pessoal.

    Abraços,

  • Anacelli Alves da Silva

    Gostei! talvez por não ser especialista na área de cinema ou talvez por não conhecer as demais obras envolvendo o tema.

  • marcos

    Estou de acordo. Independente de efeitos ou maquiagem, que aos leigos não verificam isso ao assistir e sim o ato consumado, gostei da série e poderia ter continuação sim, uma trama que foi empolgante pelo mistério de o Porquê de estar acontecendo….gostei e gostaria que continua-se.Abraço.

  • Sisi Cury

    eu estou assistindo o 5º Ep da 1ª temp e to gostando da série.. também espero que ela retorne com a 2ª temporada…quem não curtiu é só não assistir, simples assim

  • Lucas Albuquerque

    Infelizmente a série foi cancelada e não terá uma segunda temporada

  • Sisi Cury

    É muita sacanagem não darem continuidade na série, o público que curtiu fica na expectativa e frustrado…Pena mesmo que foi cancelada.

  • Lucas Albuquerque

    Pois é, mas esse é um dos pontos que o espectador de séries está sujeito. A vantagem do filme é que você assiste ali aquelas duas horas e tem uma história normalmente fechada

  • TSI

    Estou na metade da série e estou gostando bastante!!
    Ainda bem que não li esse e outros comenta´rios sobre a série, senão provavelmente não me empolgaria em vê-la!!

    Por isso, pessoal, é sempre bom ler as críticas, mas melhor ainda é tirar suas próprias conclusões!

    Abraço!

  • Davi Vilela

    Exato, não podemos simplesmente tirar conclusão de assistir ou não um série ou um filme com base no que as críticas nos dizem. Só pra ter um exemplo o Lucas aqui do site gostou bastante da série. Em contrapartida ele achou ruim Alias Grace pra quem eu dei nota máxima.