Morre Sean Connery aos 90 anos - Cinem(ação) - notícias

Morre Sean Connery aos 90 anos

O ator Sean Connery morreu na madrugada deste sábado, nas Bahamas, aos 90 anos. Há três anos morando na ilha caribenha, onde foi viver sua aposentadoria, o astro, famoso por ter sido o primeiro 007 nos cinemas e por filmes como Os Intocáveis e O Nome da Rosa, não estava bem de saúde há algumas semanas, segundo seu filho.

De acordo com a BBC, Sean Connery morreu enquanto dormia.

Ao longo de 50 anos de carreira, Connery fez sucesso como o espião mais famoso do mundo nos filmes “O satânico Dr. No”, de 1962, “Moscou contra 007”, de 1963, “007 contra Goldfinger” (1964), “007 Contra a chantagem atômica” (1965), “Com 007 só se vive duas vezes (1967), “007 – Os diamantes são eternos” (1971) e “007 – Nunca mais outra vez” (1983).

Conhecido também pelo charme e pelo sotaque escocês, ganhou o Oscar de Ator Coadjuvante por “Os Intocáveis”, de Brian de Palma, em 1988. Foi nos anos 1980 que Connery viveu um de seus principais momentos como astro de Hollywood, quando participou de grandes filmes das séries “Indiana Jones” e “Highlander”, além do importante “O Nome da Rosa”, de Jean-Jaques Annaud, que davam continuidade aos inúmeros filmes de ação que estrelou ao longo dos anos 60 e 70. Nos anos 1990, surgiu em grandes filmes como “Caçada ao Outubro Vermelho” e “A Rocha”.

Tal qual seu principal personagem nos cinemas, Connery também era fruto de seu tempo e vinha sendo criticado por posicionamentos que não condizem com as mudanças em nossa sociedade. Afinal, o espião inglês era símbolo do chauvinismo e misoginia da sociedade, e Connery refletia a mesma sociedade que criou o personagem. Após dizer frases que normalizavam a violência contra a mulher, o astro precisou se desculpar, mas nunca mais comentou suas afirmações.

Sean Connery deixa a esposa Micheline Roquebrune, filho e neto. O ator possuía a honraria de “Knight Bachelor” e o título de “Sir” no Reino Unido, apesar de ter sido um defensor da independência da Escócia.

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

Material close icon