Volta à infância: O Touro Ferdinando

Volta à infância: O Touro Ferdinando

Acredito que já escrevi algumas vezes no Cinem(ação) que minha memória é uma coisa estranha (e provavelmente a de muita gente), e que ela é disparada por gatilhos que nem eu lembro mais quais são. Pois é… ao assistir este trailer foi um caso destes… estou falando do novo lançamento da Twenty Century Fox e sua subsidiária a Skydance, a mesma responsável por todos “A Era do Gelo” e pelos dois filmes “RIO“, a na “animação de animais” chamada “O TOURO FERDINANDO”.  É claro: Carlos Saldanha é o diretor deste novo longa.
E o mais interessante deste filme é a origem do roteiro, sendo este  adaptado de um livro infantil homônimo de 1936 escrito peloestadunidense Munro Leaf, e ilustrado compatriota deste último, Robert Lawson. Por ter uma temática pacifista, era um dos livros preferidos de Gandhi, e ao mesmo tempo Hitler mandou queimar em público na Alemanha Nazista e Francisco Franco (lider do levante contra o governo da Guerra Civil Espanhola que durou de julho de 1936 até abril de 1939 e com o fim dela governou a Espanha como presidente fascista até 1973, dois anos antes de sua morte) proibiu o mesmo livro, por ser considerado uma crítica à Guerra Civil Espanhola, mesmo que o lançamento do livro tenha acontecido meses antes do início da guerra em questão.

O contexto histórico parece interessante. Mas sobre o que conta esta história? A sinopse oficial do filme é esta: “Ferdinando é um touro com um temperamento calmo e tranquilo, que prefere sentar-se embaixo de uma árvore e relaxar ao invés de correr por aí bufando e batendo cabeça com outros touros. A medida que vai crescendo, ele se torna um touro forte e grande, mas com o mesmo pensamento. Quando cinco homens vão até sua fazenda para escolher o maior, melhor e mais forte animal para touradas em Madri, Ferdinando é escolhido acidentalmente.” E provavelmente esta é exatamente a história do livro infantil de 1939…

Como eu sei isso? Você já está pensando que vou dizer que eu li o livro quando eu era criança? Não… eu sempre fui um péssimo leitor desde criancinha (acredite, estou resolvendo este defeito aos poucos)… Eu sabia que conhecia esta história mas por outro motivo, a Disney em 1938 lançou um curta animado sobre o livro (destes que passavam antes do filme principal nas antigas sessões de cinemas…), e quanto eu era criança, a Globo, o SBT ou quem tinha os direitos da Disney na época, passava este curta junto com as antigas animações do Mickey, Donald (não, não o Presidente), Pateta e companhia. Quem tem mais de 35 anos como eu ou aquelas pessoas que não tinham Cartoon Network ou canais parecidos em casa talvez também se lembrem disso…

De qualquer forma, este livro infantil voltará a ser vendido em grandes volumes no mundo inteiro (ele já foi traduzido para mais de 60 línguas diferentes do inglês), mas pena que não fará uma estréia grandiosa, já que até o momento, está programado para ser lançado dia 15 de dezembro de 2017, mesmo dia do lançamento de Star Wars episódio VIII, o que é uma pena, pois se isso realmente acontecer, este touro não terá estréia nacional na única (salvadora e cada vez melhor) sala de cinema da cidade onde moro…

De qualquer forma, quero ver o filme, pois além de bater o saudosismo, até me identifiquei com o Ferdinando. Assistam o trailer a seguir e logo depois o curta de animação da Disney de 1938. Até a próxima!

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

  • Bruno

    Lançar qualquer filme perto de algo com Star Wars no nome não é nada inteligente. Pelo amor de Mufasa, mudem a data da estreia do Ferdinando!