Podcast Cinem(ação) #205: Doutor Estranho

Podcast Cinem(ação) #205: Doutor Estranho

Chamamos Rogério Saladino que já editou muitos quadrinhos da Marvel para bater um papo sensacional sobre Doutor Estranho!

Doutor Estranho é o melhor filme da Marvel? E agora? Enquanto muita gente afirma isso, outros discordam de que o filme do mágico mais famoso (ou quase) dos quadrinhos seja realmente tão bom assim. Mas afinal, quem é Doutor Estranho? De onde surgiu e como sua história se encaixa no universo expandido da Marvel? Quem são os vilões Dormammu e Mordo, e como eles foram apresentados no filme? De que forma o filme se diferencia dos quadrinhos? Estas e outras respostas serão dadas neste podcast sobre o mais novo filme da Marvel.

Rafael Arinelli, Henrique Rizatto e Daniel Cury conversam com um dos maiores especialistas em quadrinhos do Brasil, o reconhecido Rogério Saladino, que já editou muitos quadrinhos da Marvel e hoje é editor da Editora Jambô! Juntos, eles conversam sobre o filme, destilam elogios a Benedict Cumberbatch, citam a polêmica escolha da atriz Tilda Swinton como a Anciã, e aproveitam para divagar um pouco sobre assuntos relacionados! Ligue o fone e curta o podcast!

Ah, e POR FAVOR: comente abaixo o que achou do podcast!

Download | iTunes | Feed

> 07m03: Repercussão

> 18m19: Pauta Principal

> 1h41m11: Encerramento & Erros de Gravação

Links do Podcast Cinem(ação):

Críticas, elogios, sugestões para contato@cinemacao.com ou no facebook.com/cinemacao ou ainda pelo twitter.com/cinemacao

Este Podcast foi editado por: !SSOaí Design Estratégico

Contribua com o Cinem(ação), escolha uma forma de contribuição e clique em um dos botões abaixo:

• Críticas cinematográficas de nossos estudiosos autores

• Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana

• Podcasts semanais

• Dicas de filmes para você aplicar no seu dia a dia

• Grupo no Facebook exclusivo para contribuintes

• Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

 

Comece a contribuir agora
a partir de R$ 10 mensais.

botao-apoiase

botao-patreon

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

  • Henrique Tavares

    Costumo ser um defensor do 3D, até esperei algumas horas no cinema para ver Dr. Estranho em 3D, mas senti que não valeu a pena. O problema não é só a imagem ficar mais escura, mas tenho percebido que o 3D não consegue acompanhar quando uma câmera se mexe, por exemplo. Tem uma cena, talvez a primeira do filme, que a câmera está filmando uma sala atrás de algumas grades, e quando a câmera desliza para o lado a movimentação das grades ficam meio “picotadas”, acho realmente incômodo.

    E as duas ou três cenas com bastante efeitos de profundidade, eu… sei lá, por algum motivo eu tinha esquecido que o filme era 3D, e não chegaram a me fazer lembrar da tridimensionalidade. Se desse eu tentaria ver de novo pra dar outra chance.

  • Lucas Albuquerque

    Eu senti exatamente o oposto – e também de forma discordante eu odeio 3D normalmente… – Doutor Estranho pra mim foi o melhor 3D do ano. A tridimensionalidade fez parte da narrativa e não se preocupou em “jogar” coisas na nossa direção. Será que a sala que você foi não prejudicou a experiência? Realmente se puder veja novamente mesmo em outro local.
    O elogio à tecnologia neste filme está quase que unânime

  • Henrique Tavares

    É, acho que realmente pode ser isso, a sala que eu fui talvez não estivesse apresentando o efeito na sua melhor forma…

  • fala galera do cinemação! Ótimo cast
    Doutor estranho é filme realmente bom fiquei impressionada com os efeitos especiais mesmo não tendo visto no IMAX que deve ser ainda melhor
    assistindo ao filme eu fiquei com a impressão de que apesar do Benedict Cumberbatch ser uma grande escolha para o protagonista no inicio do filme quando o personagem ainda era exageradamente orgulhoso eu vi muito do personagem Sherlock da série da BBC (tambem interpretado pelo Benedict Cumberbatch) muitos dos trejeitos do Doutor Estranho enquanto medico eram os mesmos, mas isso não me incomodou no filme
    Esse filme traz varias referencias Sherlock, Homem-Formiga, lembrei muito do filme a Origem (Inception) quando começam a alterar a realidade durante as lutas e a cidade começa a se comportar como um quebra-cabeças.
    Pessoalmente eu gostei da quebra de fé que o personagem do Mordor teve porque ele deixa claro que ele fez coisas erradas no passado e com os ensinamentos ele encontrou um caminho melhor ai ele descobre que a anciã que deveria proteger esse caminho tambem faz coisa errada aquilo quebra claramente o personagem e fica claro nem precisava da cena pós credito pra saber que ele começar a causar problemas.
    Apesar de tantos filmes da Marvel esse é o primeiro filme que confesso que fiquei com dúvidas sobre a cronologia. Ele faz referencias aos Vingadores e já cita as joias do infinito, porem se vocês se lembram de Capitão América: Soldado Invernal, Stephen Strange já é marcado como um alvo pela Hydra assim como o Bruce Benner, pra fazer sentido esse filme do Doutor Estranho teria q se passar antes da queda da Shield
    O filme Doutor Estranho é basicamente um filme de origem, mas muito bem feito que aposta em mais humor, grandes nomes no elenco e nos efeitos visuais para se destacar nas telonas.

    PS: Ando sumida dos comentarios + não deixei de ouvir nenhum e queria perguntar vcs acharam que Pequenos Segredos foi a melhor escolha como representante brasileiro no Oscar ou Aquarius teria + chances de levar algum premio ????

  • Pingback: FoodCast #13: O retorno dos que não foram | Miolos Fritos()