Site icon Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

Veja filmes vencedores no Festival de Gramado 2021

Carro Rei - Festival de Gramado - 2001

O Festival de Gramado 2021 anunciou no último sábado (21) os filmes vencedores dos prêmios. Em sua 49ª edição, o festival ocorreu fora das salas de cinema pelo segundo ano consecutivo, tendo os filmes exibidos na TV (Canal Brasil) e no streaming (Canal Brasil Play).

Entre os destaques, estão a ficção científica futurista “Carro Rei”, vencedor do Kikito de Melhor Filme, e “Jesus Kid”, que ficou com os prêmios de Melhor Direção e Melhor Roteiro, ambos assinados por Aly Muritiba (da série O Caso Evandro).

Cena do filme “Carro Rei”

Confira os vencedores

Longas Brasileiros:

Melhor filme: “Carro Rei”, de Renata Pinheiro
Melhor filme gaúcho: “Cavalo de Santo”, de Carlos Eduardo Caramez e Mirian Fichtner
Melhor direção: Aly Muritiba, por “Jesus Kid”
Melhor ator: Nando Cunha, em “O Novelo”
Melhor atriz: Glória Pires, em “A Suspeita”
Melhor roteiro: Aly Muritiba, por “Jesus Kid”
Melhor fotografia: Bruno Polidoro, por “A Primeira Morte de Joana”
Melhor montagem: Tula Anagnostopoulos, por “A Primeira Morte de Joana”
Melhor trilha: Dj Dolores, por “Carro Rei”
Melhor direção de arte: Karen Araújo, por “Carro Rei”
Melhor atriz coadjuvante: Bianca Byington, por “Homem Onça”
Melhor ator coadjuvante: Leandro Daniel Colombo, por “Jesus Kid”
Melhor desenho de som: Guile Martins, por “Carro Rei”
Melhor filme (júri popular): “O Novelo”, de Claudia Pinheiro
Melhor filme (júri da crítica): “A Primeira Morte de Joana”, de Cristiane Oliveira
Prêmio especial do júri: Matheus Nachtergaele

Cena do filme “Jesus Kid”

Longas Estrangeiros:

Melhor filme: “La Teoría De Los Vidrios Rotos”, de Diego Fernández Pujol
Melhor filme (júri popular): “La Teoría De Los Vidrios Rotos”, de Diego Fernández Pujol
Melhor filme (júri da crítica): “Planta Permanente”, Ezequiel Radusky
Prêmio especial do júri: “Planta Permanente”, Ezequiel Radusky​

Cena de La Teoría De Los Vidrios Rotos

Curtas-metragens Gaúchos:

Melhor Filme: “Desvirtude”, De Gautier Lee
Melhor Ator: Álvaro Rosacosta em “Rufus”
Melhor Atriz: Evellyn Santos em “Desvirtude”
Melhor Direção: Gautier Lee, por “Desvirtude”
Melhor Roteiro: Felipe Yurgel, Gabriela Lamas, Maurilio Almeida por “Eu Não Sou Um Robô”
Melhor Fotografia: Lívia Pasqual, por “Eu Não Sou Um Robô”
Melhor Montagem: Gabriel Borges, por “Desvirtude”
Melhor Direção de Arte: Gabriela Lamas, por “Eu Não Sou Um Robô”
Melhor Trilha Sonora: Renan Franzen, por “Noite Macabra”
Melhor Desenho de Som: Kiko Ferraz E Chrístian Vaisz, por “Um Dia De Primavera”
Melhor Produção Executiva: Álvaro Rosa Costa, Carmem Fernandes, Fernanda Kern, Laura Cohen, Lisiane Cohen, Maurício Borges de Medeiros, por “Era Uma Vez Uma Princesa”
Melhor Filme pelo Júri da Crítica: “Eu Não Sou Um Robô”, Gabriela Lamas
Menção Honrosa: ao filme “Rota”, de Mariani Ferreira, por nos colocar diante de uma relação complexa de forma inteligente, cuidadosa e provocadora. Pelas atuações, que em momentos certeiros, ampliam profundamente a distancia entre pai e filha. Por fim, pela elaboração do roteiro, pela direção, montagem, desenho de som, e pela força de toda a equipe de produzir “Rota” em um tempo tão diferente.

Cena de Desvirtude

Saiba mais sobre os principais destaques:

Desvirtude aborda o racismo ao contar a história de Kenia, uma jovem negra que estuda Jornalismo. Ao ser agredida durante uma atividade na universidade, ela passa a lidar com repercussões e retaliações de seu caso, com pessoas tentando pôr panos quentes e diminuir sua situação.

Em Jesus Kid, Eugênio (Paulo Miklos) é um escritor de western em dificuldades. Seu personagem mais famoso, Jesus Kid, está indo mal de vendas. Então aparece o que poderia ser a sua salvação: ele é contratado para escrever o roteiro de um filme.

Em Carro Rei, o jovem Uno se comunica com carros desde criança. Quando uma lei coloca a empresa da família pai em perigo, ele busca o seu melhor amigo de infância: um carro. Junto com o seu tio, transforma-o no Carro Rei – que pode falar, ouvir e até se apaixonar. Um carro que tem planos para todos.

Sair da versão mobile