Site icon Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

Crítica: A Balada de Buster Scruggs (2018) – Original Netflix

A Balada de Buster Scruggs

A Balada de Buster Scruggs é o mais novo filme dos irmãos Coen. E sentimos bem a marca da dupla aqui, entre outros pontos, o humor, a variação de gêneros e um elenco estrelar – por vezes apenas em pontas – são algumas das características presentes. O longa é na realidade uma antologia de, por assim dizer, 6 curtas ambientados no velho oeste, sendo esta a única relação aparente entre eles – e a de estarem no mesmo guada-chuva literário. 

Entendo perfeitamente quem se sentir lesado por tal escolha, mas aqueles que superarem ou não se importarem com a opção vão ter muito o que apreciar. Há uma incrível regularidade, nivelada por alto, em todos os quesitos. Como é caro de Ethan e Joel Coen, também roteiristas aqui, o texto é um dos destaques. A última história inclusive é positivamente bastante expositiva e se sustenta no talento de atores como Brendan Gleeson, Tyne Daly, Jonjo O’Neill e Saul Rubinek. 

Logo na abertura temos o segmento título encabeçado pelo carismático Tim Blake Nelson quebrando a quarta parede. Não tarda para um misto inusitado de musical com carnificina e fantasia dar as caras. Logo percebemos que estamos diante de uma homenagem cheia de referências aos grandes filmes do gênero, algo que se confirma nas demais histórias.

A fotografia também impressiona. Tanto em ambientes mais abertos como no conto intimista do minerador, quanto nos mais claustrofóbicos como na diligência e na nada sutil mudança que lá ocorre. 

Apesar de o humor marcar o tom há espaço para dramas. Em especial no conto protagonizado por Liam Neeson e Harry Melling. Mesmo um pouco repetitivo – e tal repetição serve como elemento para reforçar a monotonia. Algumas sutilezas e a resolução tornam esta uma das melhores histórias. 

A melhor contudo, envolve um comboio. É a narrativa mais complexa e com variações. O passeio pelo romance, drama e, claro, humor, apresenta personagens de forma eficiente e na medida do possível com mais camadas. 

Para os fãs dos Coen e do universo western temos aqui em Balada de Buster Scruggs um prato cheio, um por vezes um tanto macarrônico como bons títulos do gênero. 

Ficha técnica: 
Direção e roteiro: Ethan Coen e Joel Coen
Elenco: Tim Blake Nelson, Brendan Gleeson, Tyne Daly, Jonjo O’Neill, Saul Rubinek, Liam Neeson e Harry Melling
Nacionalidade e lançamento: EUA, 2018 (09 de novembro de 2018 no Brasil, diretamente na Netflix

  • Nota Geral
4
Sair da versão mobile