Ícone do site Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

“They Came Together”, a sátira das comédias românticas

Paul Rudd é um ator americano que tem se fixado cada vez mais no gosto popular como o galãzinho de filmes de comédia. Ele ficou bastante conhecido por ter feito Mike Hannigan, marido de Phoebe Buffay, no seriado Friends. Depois disso Paul passou por “O Virgem de 40 Anos”, “This Is 40 ” (comédia sobre os 40 anos), etc..

Agora o ator volta com a companhia de Amy Poehler, atriz americana que fez parte do elenco do programa de televisão “Saturday Night Live”. Ambos contracenam em no filme “They Came Together”  (Eles Vieram Juntos) uma comédia bem forçada que tirará um sarro das comédias românticas.

A história do filme tem traços bem similares da comédia romântica “You’ve Got Mail” com Tom Hanks e Meg Ryan, pois vemos Joel, trabalhando para um empresa grande que precisa fechar uma pequena loja, cuja proprietária, Molly,  não quer vender. Os dois passam a se odiar, mas com o convívio e o passar o tempo, se apaixonam e começam a viver tudos os clichês dos filmes românticos americanos.

Além de Paul e Amy, o filme “They Came Together” conta ainda com Cobie Smulders, Jeffrey Dean Morgan, Michael Shannon, Christopher Meloni, Adam Scott, Ellie Kemper e Noureen DeWulf. A direção é de David Wain.

“They Came Together”  chega aos cinemas no dia 21 de Junho.

 

Sair da versão mobile