Site icon Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

Crítica: Os Mercenários 2

The Expendables 2 - 01

Dando uma olhada nos arquivos do Cinem(ação), percebi que nunca tínhamos escrito uma crítica sobre Os Mercenários 2. Para ser mais precisos, nós falamos de quase tudo sobre o filme, só faltou nossa impressão. Então, vamos a ela, antes tarde do que nunca!

Os Mercenários 2 é um filme escrito por Sylvester Stallone, só com esta premissa, já podemos entender que é um filme puramente de ação, por isso não cabe aqui fazer críticas sobre montagem, enredo, fotografia, direção, etc… Vamos analisar o filme como ele merece ser analisado, como um filme puro de ação.

Sylvester Stallone tem uma paixão colossal pelo projeto dos Mercenários, pois nele, ele pode colocar em cena os principais atores de filmes de ação que já existiram. Neste filme vemos: Sylvester StalloneJason StathamJean-Claude Van DammeJet LiDolph LundgrenChuck NorrisBruce WillisArnold SchwarzeneggerTerry Crews e Randy Couture. Ou seja, podemos reviver muitos dos astros dos anos 80 e 90 que defenderam nosso mundo contra tudo que se pode imaginar.

Na história, Barney Ross (Stallone) vai atras de vingança, após o vilão Vilain (Van Damme), rouba-lo e matar um dos seus mercenários. Trata-se de uma história simples, com papéis bem definidos, ou seja, heróis e vilões. E quando falamos em vilões, não é estilo 007 que quer dominar o mundo, não! Isso é muito complexo. Vilain é um vilão estilo antigo, quer ganhar dinheiro e ser mau. Ponto.

Em entrevistas sobre o filme Van Damme falou sobre a importância de ser um vilão em um filme com tantos heróis, disse: “Se fosse para fazer um filme com tantos astros de ação assim, queria realmente ser o vilão, pois assim, teria um papel de destaque. Se fosse um dos mercenários, seria apenas mais um”. E ele estava coberto de razão. Os Mercenários 2 é emblemático por ter uma duelo com entre Van Damme e Stallone.

O filme é repleto de piadas sobre filmes antigos dos atores, além de brincadeiras sobre suas idades. Uma das cenas mais marcantes é a de Chuck Norris entrando em seu primeiro ato. Sem dúvida, neste sentido, Stallone conseguiu trazer um ar nostálgico a todos aqueles que gostavam dos filmes antigos de ação.

As cenas de ação são clássicas também, desde o jeito dos atores segurarem a arma até as milhares de cenas de tiroteio e explosões. Temos Dolph Lundgren fazendo cara de mau o tempo inteiro, e mesmo quando sorri, é assustador. Jason Statham tem suas cenas clássicas de luta, o que marcam sua carreira.

Obviamente que neste filme, temos mais cenas bem acabadas do que nos filmes dos anos 80, isto porque temos uma computação gráfica muito melhor. Com isso as cenas ganham mais vitalidade. A única coisa que me incomodou foi o Van Damme de óculos escuros o tempo inteiro, mesmo dentro de uma mina! E quando ele resolve tirar os óculos para lutar contra Stallone, tive uma sensação de que tinha alguma coisa errada com eles. Não sei se foi alguma plástica que o ator fez, ou se ele realmente envelheceu, mas fato é que chamou a atenção.

Os Mercenários 2 esta longe de ser um filme brilhante, mas como filme nostalgico é excelente. Agora, ele começa a entrar em um patamar meio 007, mas só no sentido de começar a ser um filme meio “eterno”, isto porque já começam as especulações sobre Os Mercenários 3, conforme já noticiamos aqui, resta saber se ele continuará tendo este ar antigo para manter a característica.

Confira o Trailer de Os Mercenários 2:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=TgEqVYcryWc]

Nota: 3 Claquetes

Sair da versão mobile