Ícone do site Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

O Hobbit: em IMAX a 48 quadros por segundo

Falta pouco para o dia 14 de Dezembro, quando “O Hobbit: Uma Jornada Inesperada” estreia nos cinemas. O filme será o primeiro de uma trilogia que contará a história de Bilbo Bolseiro, cronologicamente anterior à saga de seu sobrinho Frodo em “O Senhor dos Anéis”.

O filme foi totalmente gravado em 48 quadros por segundo (ou fps – frames por segundo), aliado também ao 3D, já comum. Isso significa que cada segundo de projeção mostrará 48 quadros em vez dos 24 utilizados atualmente pelo cinema. Isso significa que a nova tecnologia de projeção gera mais realismo, já que os 48 quadros por segundo se aproximam muito mais da capacidade que o olho humano tem de captar as imagens. Nas projeções que já foram feitas do filme, muitos espectadores se sentiram incomodados com o “extremo realismo”. A estreia do filme a 48 quadros será mais tímida justamente para evitar muita estranheza do público.

De acordo com os produtores do filme, há uma certa demora até que os olhos se acostumem com o novo tipo de imagem que é proporcionado às pessoas. Não somente por este motivo, mas também porque toda nova tecnologia chega aos poucos, o filme será adaptado à condição de 24 fps na maioria das salas de cinema do mundo.

No Brasil, serão poucas as salas de cinema que vão oferecer o filme com a nova tecnologia, e somente uma sala disponibilizará o filme a 48 quadros em IMAX.

De acordo com o site do IMAX, somente o Cinépolis JK Iguatemi, de São Paulo, terá condições tecnológicas para isso. Todas as outras salas serão em formato comum. No mundo todo, os Estados Unidos são o país com o maior número de salas IMAX 48fps, com um total de 30 salas. O segundo país com o maior número de salas com o formato será o Japão, com 6 delas.

Entre as salas de formato comum, por enquanto, somente a rede de cinemas UCI divulgou quais das suas salas estão preparadas para exibir O Hobbit em 48 fps – ou HFR (high frame rate), como as distribuidoras tem chamado.

De acordo com a UCI, as salas que exibirão o filme em 48fps estão nas cidades de Salvador, São Paulo, Curitiba, Recife e Rio de Janeiro. As outras redes ainda não divulgaram dados.

De qualquer forma, é importante que o público procure se informar a respeito nas salas mais próximas.

Sair da versão mobile