Ícone do site Cinem(ação): filmes, podcasts, críticas e tudo sobre cinema

Cairo 678

Chega aos cinemas de São Paulo (infelizmente, as cópias não chegam a outras cidades), o filme egípcio “Cairo 678”, que revela um pouco da realidade da cultura egípcia atual.

O filme conta a história de três mulheres diferentes que vivem o mesmo problema: sofrem assédio sexual de alguma maneira e precisam conviver com uma cultura absurdamente machista e nenhum amparo da lei.

Premiado em festivais de Chicago, Dubai e no Asia Screen Awards, o filme narra as histórias da funcionária pública Fayza, que sobre abusos sexuais no ônibus lotado; da palestrante de defesa pessoal Seba; e da aspirante a comediante de stand-up Nelly, que tem dificuldades em mover um processo por abuso sexual.

No Egito, o abuso sexual não era considerado crime há pouco tempo atrás, e as mulheres ainda sofrem com a cultura machista predominante.

O filme estreia, curiosamente, na semana do Dia Internacional da Mulher.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=3OXAi12AGA8&feature=fvst]

Sair da versão mobile