Podcast Cinem(ação) #239: Dunkirk

Podcast Cinem(ação) #239: Dunkirk

Escrito e dirigido por Christopher Nolan, o mais novo filme de Guerra chegou abalando corações cinéfilos, causando discórdia na comunidade de fãs do cineasta, e provocando diferentes sensações! Sim, Dunkirk é um filmão, cheio de efeitos sonoros e trilha sonora de cair o queixo… mas será que ele é tudo isso? Será que o roteirista Jonathan Nolan fez falta em Dunkirk? E por que será que tanta gente está falando sobre o filme?

Para saber disso e muito mais, junte-se a Rafael Arinelli, Daniel Cury, Henrique Rizatto e a super convidada Isabel Wittmann, do podcast Feito Por Elas, para embarcar nessa discussão que não está sendo ameaçada por soldados alemães invisíveis! Afinal, será que o filme foi historicamente fiel? O que dizer do som “ultrarrealista”? E se o Christopher Nolan é tudo isso na direção, será que ele é também no roteiro? O que significa ter tantos personagens sem desenvolvimento? E o que simboliza a falta de “cara” para o antagonista? E mais: será que o longa é muito nacionalista? Aproveite o debate para saber de tudo isso e ainda ouvir uma análise do que Christopher  Nolan vem fazendo em sua carreira. Portanto, aperte o play e depois decida se você ama o diretor, odeia o que ele faz, ou se já está cansado dessa briga “fla-flu” que o povo sempre inventa!

Download | iTunes | Feed

> 06m43: Repercussão

> 19m56: Pauta Principal

> 1h31m02: Plano Detalhe

> 1h42m03: Encerramento & Erros de Gravação

Planos Detalhes:

Links do Podcast Cinem(ação):

Críticas, elogios, sugestões para contato@cinemacao.com ou no facebook.com/cinemacao ou ainda pelo twitter.com/cinemacao

Este Podcast foi editado por: !SSOaí Design Estratégico

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário: