11 Coisas que você não sabia sobre Miles Teller

11 Coisas que você não sabia sobre Miles Teller

Whiplash-4091.cr2De pequenas obras primas como “Whiplash” e “O Maravilhoso Agora”, passando por comédias despretensiosas como “Namoro ou Liberdade”, até fiascos como “Quarteto Fantástico”, Miles Teller definitivamente é um dos grandes novos nomes de atores em Hollywood, com grande potencial para aumentar seus feitos muito em breve: o longa “Bleed for This”, sobre o boxeador Vinny Pazienza, promete ser um grande filme.

Por ser um ator jovem, muita gente não conhece muito sobre ele. Confira a lista com 11 fatos sobre Miles Teller:

 

11- Da Pensilvânia para a Flórida! Nascido em Downington, Pensilvânia, mas com família no estado onde fica a Disney, Miles Teller acabou indo pra lá fazer seu “ensino médio”. E foi lá onde “tudo começou”: o então adolescente fez várias coisas imprescindíveis para sua ascensão ao estrelato: trabalhou um restaurante (é quase uma regra: ator americano sempre passa por um emprego de garçom!); aprendeu a tocar violão, saxofone e bateria (instrumento que viria a ser muito importante para o seu sucesso), e ainda começou a fazer aulas de teatro. Teller diz que só começou as aulas de atuação porque a professora era “gostosa”, mas acabou gostando da coisa (o teatro, no caso).

MilesTeller_01gif_primeirofilme

10- Canta-dança-representa: Teller também manja muito de cantar e dançar. Tanto que ele está planejando um Musical com Emma Watson – não ficou claro se uma peça ou um filme. Além disso, Teller não esconde de ninguém que é fã do Elvis e adoraria interpretar o rei do Rock. É o papel dos sonhos dele.

 

9- Quase morreu, quase perdeu. Miles Teller passou por dois momentos de “quase” em sua vida. Em 2007, ele quase morreu em um acidente de carro que o lançou 10 metros para longe do carro. O segundo “quase” do ator foi antes do filme “Whiplash”: ele quase desistiu de fazer o longa porque queria “dar um tempo no trabalho de ator”. Mal sabia ele que o filme iria bombar e lhe renderia muitos grandes frutos.

MilesTeller_02gif_acidente

 

8- Aaron, Michael e Shailene. São estes os atores que trabalharam com Miles Teller diversas vezes. O primeiro longa do ator foi “Reencontrando a Felicidade”, no qual ele atuou com Aaron Eckhart, com quem volta a atuar em “Bleed For This”. Michael B. Jordan também dividiu cena com Teller em dois filmes: “Namoro ou Liberdade” e o nosso querido “Quarteto Fantástico”. A campeã da parada é Shailene Woodley: além de três filmes da série Divergente, Teller dividiu a tela com a garota em “O Maravilhoso Agora”.

MilesTeller_dedo

7- Polegares, onde estão? Se tivesse que dançar a música da Eliana, Miles Teller não ia gostar. Ele odeia seus dedos polegares – que são curtos e largos – e geralmente usa dublês de mão em cenas fechadas desta parte do corpo. No filme “Whiplash” ele abriu uma exceção.

 

6- Tatuagem de 32. Ele deve ser maluco: tatuou o número 32 em numerais romanos – XXII – no braço. O motivo? Ele e seus amigos bebiam cerveja em canecas de 32 oz (uma medida americana para 900ml). Parabéns.

 

5- A entrevista que deu errado. Em 2015, Teller deu uma entrevista que resultou em uma imagem bem negativa. A revista Esquire (uma das melhores publicações semanais dos Estados Unidos, quiçá do mundo) colocou uma matéria que o mostra como um “idiota” (e o chama assim na manchete). Segundo a jornalista que escreveu o texto, durante a entrevista ele comparou o formato de um copo alto (em inglês, Highball Glass) ao formato do seu pênis, mostrou uma foto de suas costas para a repórter ver “como ele é forte” e admite “não dar a mínima” para os amigos que perdeu após processar o Seguro do carro do então colega de quarto – que depois teria, segundo ele, influenciado outros colegas da faculdade a desfazer a amizade com Miles, além de se gabar por ter fumado muita maconha durante a faculdade. A entrevista gerou mal-entendidos e até campanha nas redes sociais contra a visão negativa de seu comportamento. Aos que leem inglês, a matéria é divertidíssima e altamente recomendável!

 

4- Mais um pra turma dos sarados. Para fazer “Bleed for This”, Miles Teller fez o que muitos outros atores de Hollywood fazem para interpretarem boxeadores ou super-heróis: malhou pesado e ficou com abdômen de tanquinho.

MilesTeller_BleedForThis_treino

 

3- Miles Teller não é bobo. Ele namora há alguns anos com a modelo Keleigh Sperry.

MilesTeller-KeleighSperry

 

2- No caminho certo? Miles Teller sempre fala sobre os filmes independentes que faz. Mesmo lembrando que os valores (de produção e de salário) são baixos, o ator fala com certa paixão sobre o quanto vale a pena e o quanto é difícil saber o sucesso de um longa independente. Ele até se disse feliz por ter sido um dos filmes de menor bilheteria a ser indicado à premiação.

 

1-Honesto demais. Além de toda a polêmica na revista Esquire, Miles também se deu mal ao contar à revista W Magazine que só aceitou fazer a série Divergente porque teria uma audiência internacional pela primeira vez. Ele confessou que ligou ao agente dele e disse “isso é terrível” sobre o roteiro. Somando à forma como ele trata questões de seu passado, podemos concluir que o grande problema de Teller é ser “sincero demais”. Sugiro fortemente um bom treinamento de assessoria de imprensa!

MilesTeller_MichaelBJordan_Quarteto

Gostou? Dê um like e passe adiante!

Leia também:

Apoie o Cinem(ação): contribua com a cultura cinematografica!

  • Críticas cinematográficas
  • Mais de 6 horas de conteúdo inédito por semana
  • Podcasts semanais
  • Grupo no Facebook exclusivo para apoiadores
  • Acompanhamento das nossas conquistas com seu apoio

Abra a porta do armário! Deixe seu comentário:

Os comentários estão fechados.